Akwavita - O Espaço da Saúde Integral
Pesquisar no site:  Pesquisar 
Acesse a página inicial da Akwavita  Fale Conosco - O seu canal de comunicação com a Akwavita  Mapa do Site
Terapias Naturais  Voltar
Artigos sobre Estética Corporal
  Marque aqui sua consulta
   Maiores informações

  Estética Corporal e Facial    Artigos sobre Estética Corporal  

Tonificação muscular - Alguns Tratamentos - com corrente Farádica

1 - Tonificação Muscular Corporal com 3 tipos de onda

A estimulação muscular é realizada pela atuação da corrente farádica.

  • Antes de mencionar os efeitos terapêuticos da corrente farádica é conveniente relatar o mecanismo fisiológico de contração do músculo estriado.
  • Desde o final do século XVIII e graças aos estudos de Galvani, se conhece os efeitos da atividade neuromuscular que é fundamentalmente do tipo elétrico: os músculos se contraem graças a pequenas descargas elétricas. A unidade estrutural da contração é a célula muscular ou fibra muscular.
  • A unidade funcional da contração é a unidade motora que é formada pelo conjunto de fibras musculares, cuja inervação depende de uma fibra nervosa comum. Recebe o nome de placa motora, o ponto onde o ramo axônico do neurônio termina e se conecta com a fibra muscular. Este ponto se encontra geralmente na parte média das fibras musculares.
  • Quando ocorre estímulo elétrico através da corrente farádica observa-se um fenômeno chamado de despolarização que ocorre nas células nervosas e musculares e que se propaga ao longo da membrana celular.
  • Todo esse processo de contração muscular se baseia em um fenômeno eletroquímico: elétrico porque há propagação de impulsos através da membrana e químico porque existe propagação de uma membrana a outra.
  • O efeito destas modificações eletroquímicas é a contração muscular que consta de um período ascendente até atingir o pico máximo e de um período descendente até atingir o repouso.
Características da Corrente Farádica:
  • Dá-se o nome de Corrente Farádica, em Estética, à corrente alternada, não sinuosa, em que uma das alternâncias é muito mais aguda que a outra. Utilizamos esta corrente, para tonificação muscular, nos tratamentos de flacidez e gordura localizada.
  • Os efeitos fisiológicos da Corrente Farádica dependem de sua intensidade, e tipo de onda, que pode provocar uma agitação iônica, chamada tremulação, que será aproveitada para dissolver os grânulos celulíticos. Se  intensidade for mais forte, chegará a maior profundidade.
  • A intensidade a ser utilizada é regulada de acordo com as características da área a ser tratada devendo-se observar que a contração muscular seja evidente para que haja eficácia do estímulo elétrico sobre o trabalho de contração muscular.
  • A colocação dos eletrodos é muito importante para que sejam obtidos bons resultados uma vez que devem ser estimulados aqueles músculos que apresentam flacidez. Essa colocação é orientada para que ocorra a estimulação de um grupo muscular sinérgico, e não de um músculo isolado. Promovendo assim, um trabalho mais efetivo.
  • Os sistemas circulatório e linfático também são estimulados, devido à própria contração muscular, assim como o metabolismo local. Promovendo aumento das trocas metabólicas.
Indicações:
As indicações terapêuticas de correntes se fundamentam em seus principais efeitos:
  • Ø       Excitomotor,
  • Ø       Vasomotor,
  • Ø       Ativador do metabolismo e
  • Ø       Analgésico.

Entre estas indicações podemos destacar:

  • Ø       Atrofias musculares por inatividade prolongada,
  • Ø       Hipotonias musculares, alterações circulatórias
  • Ø       Dificuldades de retorno venoso (edemas circulatórios),
  • Ø       Atonia muscular,
  • Ø       Estase circulatória
  • Ø       Em tratamentos estéticos para atenuar a flacidez e a celulite.
OBS: Atualmente, este aparelho foi substituído pelo Phydias: corrente russa computadorizado
©2018 Net4all
Todos os direitos reservados